Sou poeta, obstetra das palavras
Saiu da alma, virou poesia
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

A felicidade é doce
A felicidade é doce, amargo é a tristeza

O vento veloz se mistura com a doce brisa
O barulho que ouço lá fora tem cheiro de  felicidade
Para ser feliz só preciso de uma gota doce de orvalho

O doce mel da vida está guardado nos favos da felicidade
As vezes estão tão alto, chego a sentir um gosto amargo
E fico esperando derreter pra depois escorrer e molhar a ponta dos dedos

O doce e o amargo da vida
A brisa que sopra minhas feridas
O desejo de mergulhar numa colmeia encantada
Viver uma felicidade adocicada, neutralizar de vez esse gosto amargo

Quem  provou do mel da vida já se lambuzou de felicidade
Quem é feliz já matou a sua saciedade
A vida é mel, a vida pode até ter um gosto amargo
Mas é doce o cheiro da felicidade

Jonas Luiz
São Paulo, 01/02/18

Poeta Jonas Luiz
Enviado por Poeta Jonas Luiz em 01/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras