Sou poeta, obstetra das palavras
Saiu da alma, virou poesia
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Placebo
Placebo

Não preciso de remédio pra aliviar meus anseios
Você é a cura dos meus devaneios
Seus beijos é um tratamento disfarçado

Só me curo quando estou ao seu lado
O doutor já me disse, você é meu tratamento controlado
Sofria de amor, crise aguda, quase sem cura

Mas num desses golpes do destino, você apareceu no meu caminho
Aí nunca mais precisei de nenhum remédio
Seus beijos  e abraços me curaram, adeus tédio

O melhor é que já viciei nessa terapia, sou dependente de você
Doses de amor, necessárias todos os dias para sobreviver
.
Jonas Luiz
São Paulo, 28/06/18

Poeta Jonas Luiz
Enviado por Poeta Jonas Luiz em 28/06/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras